Danimontelo's Blog

Só podia ser assim, tão diferente!

Viver

“Viver é sempre dizer aos outros que eles são importantes, que nós os amamos, porque um dia eles se vão e ficamos com a nítida impressão de que não os amamos o suficiente” (Chico Xavier).

Anúncios

1 dezembro, 2008 Posted by | pensamentos | Deixe um comentário

Esquecer alguém Importante!

“A dor de perder alguém em vida é pior do que a dor da morte, porque é o nunca mais de alguém que se poderia ter, já que está vivo e por perto.”

Caio Fernando Abreu

Concordo plenamente com a frase do Caio e isto causa um sentimento de desespero que às vezes acomete as pessoas que saem muito magoadas de uma relação afetiva! É por isso que as pessoas sempre se perguntam: como esquecer alguém importante?”

Não é possível esquecer alguém que nos marcou profundamente! No caso de relações afetivas, em especial, as relações amorosas, quando estas não dão certo, em virtude de uma das partes ou ambas, quem termina acha que é possível esquecer um do outro e, o mais revoltante, é que pensa ser, este processo, rápido e indolor. Posso realmente falar que sei como as pessoas que passam por esta situação se sentem, pois passei e passo por isso. Entristece-me saber que as relações estão banalizadas a um ponto que creio não ser mais reversível, não há mais respeito pelo ser humano, pelos sentimentos, você não se sente mais parte de algo maior e divino. Agora, a “modernidade jovial” prega que é preciso se prostituir para não ser “careta”, antiquado, “ficar sem compromisso” significa abrir mão da sua dignidade, deixar alguém te humilhar, tratar-te com desprezo, fingir que não existe sentimento perante os amigos, e outras coisas que só uma mente medíocre pode conceber!

Atualmente, reclama-se muito das relações, complexo de solidão, de inferioridade, “ninguém me quer, ninguém me ama, ninguém isso, ninguém aquilo”. Todos, sempre, só reclamam da vida! Oh! Que fizera eu para merecer tamanha injustiça, sempre injustiçados, oh! Pobre seres humanos! Quase tod@s vivem numa infelicidade sem precedentes. Mas, será que alguém já se perguntou porque nós, seres humanos, temos esse imenso complexo de infelicidade? Será que somos tão injustiçados assim? Por que a felicidade tem que ser consequência/causa de alguma coisa? Por que não conseguimos compreender que a felicidade é só felicidade, não é causa nem consequência de nada? Estou a me questionar há tempos, às vezes, penso ter encontrado as respostas, mas ainda estou vulnerável, a minha mente às vezes cede à ignorância que me faz agir de modo inconsciente. Espero, um dia, conseguir despertar totalmente dessa inconsciência que ofusca os meus olhos para que eu não enxergue a verdade e quando isso acontecer, estarei livre de todo e qualquer tipo de sofrimento, finalmente!

Não devemos ter raiva e nem mágoa das pessoas que não conseguem compreender sentimentos verdadeiros, elas estão num sono profundo, são inconscientes e ignorantes, suas mentes são muito medíocres e mesquinhas para compreender que elas nada mais são do que fantoches do “modismo moderno”, a moda não é conhecer a si mesmo, é quanto você consegue se tornar algo sem valor!

“Seres humanos são descartáveis, sentimentos são descartáveis, nada mais importa, nada mais tem valor, …, o que nos resta então?”

Será que existe alguém que possa me responder? Haverá esperança ainda?

Às vezes, ainda fico triste pela experiência que tive, mas alegra-me saber que agora sei perceber melhor as pessoas. Eu ainda acredito no ser humano, sempre terei esperança, sou feliz sem precisar de motivos, tenho a minha vida e enquanto vida tiver, tentarei expressar o valor de viver, valorizarei cada ser vivo existente, as coisas que existem no mundo, tudo será sagrado!

Acho que me empolguei, vou deixar o restante pra mais tarde!

“Sou um ser com sentimentos, valores, dignidade e mereço respeito e valorização pelos meus semelhantes!”

Meu Eu interior

22 abril, 2008 Posted by | pensamentos | 2 Comentários

Separação

Achei interessante este comentário e resolvi colocá-lo aqui, é como me sinto ultimamente!

“” O verdadeiro amor começa quando nada se espera em troca.” Antoine de Saint-Exupery

Falo por aquele que sente a dor da separação, quanto mais se ama, maior é a dor. De imediato nada parece superar a lacuna deixada, mas o tempo é o senhor da vida. E o que não concordo é com frases feitas e atitudes nos transmitida como sendo o “infalível” remédio. Somente quem já nos amou, poderá nos ajudar, por incrível que pareça, a dor que causamos um dia a alguém, nutriu e tornou aquela pessoa em nosso melhor amigo e melhor apoio. Mas o tempo é distinto a cada um,,,amor fugaz ou (aquele amor) este último nos dilacera quando termina. Mas quando se ama ainda, devemos respeitar a decisão do outro, pois amar alguém é ver este alguém feliz, a dor de admitir que não seremos aqueles a proporcionar aquela felicidade a pessoa amada será terrível, mas prefiro esta dor, pois ela me nutre…me alimenta em meu caminhar, este caminhar me distanciará da pessoa. É melhor.

Autor: Carlos_5

15 abril, 2008 Posted by | pensamentos | Deixe um comentário

Nossa Luz Interior

O verdadeiro significado da meditação!!!

“Meditação não é fuga. Também não é algo misterioso! Da meditação nasce a vida pura e sagrada. E, então, você trata todas as coisas como sendo sacras.”
“Uma luz para si mesmo! Essa luz não pode ser dada por ninguém, nem você pode tomá-la da vela de outra pessoa. Se o fizer, ela será apenas uma vela, que pode se extinguir. A própria investigação para descobrir em que consiste a nossa própria luz interior é parte da meditação.”
“Ninguém, ninguém pode ensiná-lo a meditar. Não importa quão longa seja a barba do cidadão ou as roupas exóticas que ele use. Descubra por si próprio, mantenha-se fiel à sua descoberta e não dependa de ninguém.”
“Meditação é o senso de total compreensão da vida como um todo. É o absoluto silêncio da mente. Apenas nesse completo e inalterado silêncio está a verdade.”
J. Krishnamurti (1895-1986).

J. Krishnamurti foi um mestre espiritual singular. Sua principal marca era a pregação pela busca do caminho individual e da não-obediência a gurus e posturas dogmáticas. Paradoxalmente, tem milhões de seguidores, os inconformados com religiões e seitas existentes. Viajou e deu palestras ao redor do mundo por mais de 60 anos, até sua morte, aos 90 anos de idade.

Para saber mais:

http://www.jkrishnamurti.org/

http://en.wikipedia.org/wiki/Jiddu_Krishnamurti

http://somostodosum.ig.com.br/blog/blog.asp?id=5204

23 março, 2008 Posted by | pensamentos | Deixe um comentário

Palavras de um homem do silêncio!

Quando a mente sabe, chamamos isso de conhecimento.

Quando o coração sabe, chamamos isso de amor.

E quando o ser sabe, chamamos isso de meditação.

(Autor: Osho)

20 fevereiro, 2008 Posted by | pensamentos | Deixe um comentário